Ivo Lopes e a equipa Santogal Eni BMW vencenram e aumentaram vantagem pontual

Ivo Lopes e a equipa Santogal Eni BMW voltaram a vencer nas SBK em Portimão, repetindo a dupla vitória alcançada um mês depois da primeira passagem do campeonato no autódromo Internacional do Algarve. Num fim-de-semana complicado devido a quedas dos dois pilotos, nem por isso a estrutura lisboeta baixou os braços e foi em busca da vitória, ainda que comprometendo a prestação de Ricardo Andrade na Copa Dunlop Motoval.

A manhã de sábado viria a revelar-se complicada, obrigando toda a equipa a realizar um esforço extra para conseguir colocar ambas as motos em prova, algo que veio a ser dificultado, dada a dimensão dos danos nas duas S1000RR, logo na manhã de sábado. Após uma análise cuidada, todos os esforços foram empregues na recuperação da moto de Ivo Lopes, actual líder do campeonato nas SBK, que conseguiu não só alinhar em ambas as corridas, como conseguiu registar duas importantes vitórias, dilatando assim a sua vantagem pontual, bem como da equipa e construtor.

Já Ricardo Andrade, viria a não participar, uma vez que os danos na sua moto foram irreparáveis, tendo a equipa optado por apostar na recuperação na moto de Lopes, cedendo assim grande parte do material disponível mas a moto com o número 75. Um fim-de-semana agridoce para Andrade, que vinha a realizar uma boa prestação, até ao momento em que sofreu a queda, que lhe vira a comprometer o desenrolar do fim-de-semana.

Ainda assim, toda a equipa viu o seu esforço recompensado com a dupla vitória em Portimão, numa altura que aponta já baterias à próxima prova já no mês de Julho, que marca também o regresso ao Circuito do Estoril e onde Ricardo Andrade terá a chance de recuperar pontos e lutar pela vitória. Ivo Lopes lutará por novas vitórias, tendo como principal objectivo recolher o máximo número de pontos possíveis, numa temporada que tem vindo a ser quase perfeita para todos os membros da Santogal ENI BMW.

Ivo Lopes #75
Foi um início um pouco complicado. Na qualificação sofri uma queda na terceira volta em pista e danifiquei muito a moto. Em consequência disso a equipa teve de trabalhar muito na moto, mudar algumas peças para a recuperar. Mesmo assim, consegui a 'pole-position'. Na primeira corrida arranquei de forma muito cautelosa, pois a moto tinha levado algum material. Com calma, pouco a pouco fui ultrapassando os pilotos um por um, até chegar à liderança. A cinco voltas do final a corrida foi interrompida devido a um incidente com outro piloto e alcancei a primeira vitória.

Na segunda corrida arranquei ao ataque e consegui chegar ao comando da corrida rapidamente. A partir daí, geri o desgaste e o número de voltas até ao final, sempre mantendo uma margem de segurança para os meus adversários, até à vitória. Quero agradecer a todos, em especial à equipa técnica que uma vez mais revelou uma grande capacidade de trabalho. Quero também agradecer à ENI, Santogal e BMW Motorrad Portugal, mas principalmente ao Ricardo Andrade por todo o apoio.

Ricardo Andrade #81
"Foi um fim-de-semana duro mas muito positivo para a equipa, especialmente para o Ivo, que sofreu uma queda na qualificação, já depois de estabelecer a volta mais rápida da sessão. Essa queda obrigou a uma intervenção rápida, com muito mérito da equipa técnica que resolveu os problemas com muita rapidez. As duas vitórias nas corridas ajudaram a cimentar a posição do Ivo como líder indiscutível do campeonato. A equipa e o Ivo estão de parabéns.

Da minha parte, também sofri uma queda numa zona rápida logo no início do dia de sábado. A moto ficou bastante danificada e não tivemos meios para resolver o meu problema, não restando outra opção senão terminar o meu fim-de-semana. Estarei de volta no Estoril para lutar pela vitória e recuperar o máximo de pontos possíveis para compensar esta corrida. Quero agradecer a todos os patrocinadores e equipa pelo fantástico trabalho."

A equipa Santogal ENI BMW regressa às pistas já no mês de Julho, assim como ao Circuito do Estoril, para disputar a entrada na segunda metade da temporada, na quarta prova da temporada 2019 do Campeonato Nacional de Velocidade.