A primeira instalação industrial a produzir biocombustível a partir de resíduos orgânicos, em Gela na Sicília.

A Eni está a assumir uma posição decisiva sobre os biocombustíveis, anunciando o lançamento da primeira instalação piloto em Gela para a produção de bio-óleo alcançada através da reciclagem e transformação da Fração Orgânica de Resíduos Sólidos Municipais (OFMSW) em bio-óleo. Syndial, empresa de serviços ambientais da Eni, está a lidar com o projeto. A atividade na planta em Gela permitirá à Eni obter as informações necessárias para projetar novas plantas em escala industrial. A planta piloto de Gela tem uma capacidade estimada de produção de bio-óleo de aproximadamente 70 kg por dia e é alimentada por 700 kg de resíduos por dia, fornecidos pela SRR, uma empresa de gerenciamento de resíduos em Ragusa, Sicília.A primeira planta em Gela a produzir biocombustível a partir de resíduos.